Saiba como é comemorado o Natal em outras religiões


Quando der meia-noite, muitas pessoas comemorarão no Natal. Para os cristãos, o dia 25 de dezembro é a celebração do nascimento de Jesus. Mas culturas não cristãs, como islamismo, judaísmo, budismo, hinduísmo etaoísmo, por exemplo, não comemoram o Natal.

JUDAISMO

Os judeus não comemoram o Natal, mas celebram o Hanukkah que é a festa das luzes. São oito dias de celebração e a cada noite é acendida uma das oito velas de um candelabro especial.

Segundo o costume, não basta acender as velas em casa, é preciso espalhar a luz. Por isso, o candelabro deve ser aceso próximo de uma janela ou de uma porta, de modo que fique de frente para a rua.

O peru e bacalhau típicos do Natal católico são substituídos por panquecas de batata e bolinhos fritos em azeite. E em vez de desembrulharem presentes à meia-noite, as crianças recebem habitualmente dinheiro.

CANDOMBLÉ E UMBANDA

Para os seguidores do Candomblé, o dia é de trocar presentes e celebrar o nascimento. No dia 25 de dezembro, os umbandistas agradecem à Oxalá, que segundo a crença, comanda todas as forças da natureza. Além disso, Yemanjá, Yansã e Oxum têm no mês de dezembro um simbolismo todo especial.

ISLAMISMO

Ao contrário das religiões cristãs - para as quais Jesus é o Messias, o enviado de Deus - o islamismo dá maior relevância aos ensinamentos de Mohamad, profeta posterior a Jesus (que teria vivido entre os anos 570 e 632 d.C.), pois este teria vindo ao mundo completar a mensagem de Jesus e dos demais profetas.

Em relação à celebração do Natal, os muçulmanos mantêm uma relação de respeito, apesar de a data não ser considerada sagrada para o seu credo.

Para os muçulmanos, existem apenas duas festas religiosas: o Eid El Fitr, que é a comemoração após o término do mês de jejum (Ramadan) e o Eid Al Adha, onde comemoram a obediência do Profeta Abraão a Deus.

BUDISMO

Não há envolvimento do budista com a característica particular da comemoração do Natal do mundo ocidental.  Mas, os budistas admiraram as qualidades daqueles que lutam pela humanidade e, por isso, respeitam a tradição já estabelecida, respeitando a figura de Jesus Cristo, que para eles é considerado um “Bodhisattva” – um santo ou aquele que ama a humanidade a ponto de se sacrificar por ela. Para os budistas ocidentais, o dia 25 de Dezembro tem um cunho não cristão, mas sim, espiritual.

PROTESTANTES

Embora seja uma religião cristã, é subdividida em diversas “visões” da Bíblia. Algumas comemoram o Natal como os católicos, outros buscam na Bíblia e no histórico religioso, cuja data de nascimento de Cristo é discutida, um fundamento para não comemorar a data tal como é comemorada no catolicismo. É o caso das testemunhas de Jeová, por exemplo.

(DOL com in formações da Agência Brasil)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LinkWithin