Reprise de "José do Egito" tem mais audiência que primeira exibição


Segundo o colunista do "Uol", Mauricio Stycer, a segunda reprise de “José do Egito”, atualmente no ar na Record, tem agradado a emissora dos bispos. Em primeiro lugar, a série conseguiu manter a emissora na vice-liderança no horário, a faixa das 20h30, mesmo competindo com uma novela original do SBT, “Cúmplices de um Resgate”.

Mais curioso ainda, esta reprise da série bíblica de
Vivian de Oliveira está registrando audiência superior à alcançada na primeira exibição, em 2013. Naquele ano, a emissora levou ao ar os 38 capítulos de “José do Egito” entre janeiro e outubro, sempre às quartas-feiras, alcançando uma média de 11,2 pontos.

Desta vez, a exibição ocorre de segunda a sexta. Após 23 episódios, a média registrada é de 12 pontos. Em 2013, alcançado este mesmo número de capítulos, a média foi de 10 pontos – ou seja, um crescimento de 20%.

O colunista ainda entra numa dúvida sobre qual será a próxima série a ser exibida depois de "José do Egito" : o que a Record fará? Uma possibilidade seria reprisar outra das suas séries bíblicas. As opções seriam “A História de Ester'' (2010), “Sansão e Dalila'' (2011) ou “Milagres de Jesus'' (2014-15). 

Ano passado a emissora teve alta audiência  ao exibir a primeira novela bíblica "Os Dez Mandamentos", que obteve audiência de 12 pontos pulando para 23.

O colunista ainda diz que o público que não assistiu o início de "Os Dez Mandamentos" poderia está esperando por uma reprise da novela.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

LinkWithin